02.jpg

Hoje, Translúcido acompanha um momento de transição que se vive nos bairros Grito do Povo e Pescadores, em Setúbal.

Estes são lugares ambíguos que preservam um caráter expectante e que se redefinem a cada nova intervenção. Hoje, Translúcido cria um discurso de dentro para fora, um diálogo sobre identidade.

As imagens apresentam-se como fragmentos, à semelhança de um objeto em construção. Elas detêm em si a tensão que existe entre abertura e fechamento, recetividade e hesitação.

Um ontem opaco e invisível dá lugar a um hoje translúcido, um símbolo de transformação, luz e nitidez.

MARGARIDA REIS PEREIRA, 2020



Iniciativa relacionada: Setúbal Conserva bairros do Grito do Povo e dos Pescadores

Minimizar vulnerabilidades sociais preservando identidade e memórias

Fora do centro da cidade e marcados pelo desemprego e pela exclusão social, os bairros do Grito do Povo e dos Pescadores são a casa de cerca de 580 famílias, sobretudo ligadas à pesca e à indústria conserveira.

Com o intuito de minimizar as vulnerabilidades sociais nesses bairros históricos da zona da Anunciada, surge o Setúbal Conserva, um projeto que reúne um conjunto de estratégias de intervenção capazes de potenciar a apropriação dos espaços públicos pelos moradores e a consequente construção da identidade intergeracional dos bairros e a preservação das suas memórias.

A criação de percursos de arte urbana são um exemplo de valorização do lugar e das suas pessoas, em que a história e a cultura andam de mãos dadas. Esta e outras intervenções são apenas o início de um processo de transformação dos bairros e da qualidade de vida dos seus moradores - um primeiro passo na construção de espaços de futuro.

Mais info aqui.

Trabalho desenvolvido no âmbito do programa Sustentar, com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal.

02.jpg